NO AR

Must Podcast

Com Walney Haidar

Brasil

Câmara de mulheres debatem autoconhecimento e desafios para a gestão dos negócios

Publicada em 10/07/24 às 11:07h

por Redação CBTV


Compartilhe
 

Link da Notícia:


Equilíbrio entre a vida pessoal e profissional, barreiras culturais e sociais, capacitação e conhecimento, e acesso a recursos financeiros. Esses foram os desafios elencados pela empresária Laura Paiva, nova coordenadora da Câmara Brasileira das Mulheres Empreendedoras do Comércio (CBMEC), durante reunião realizada no início deste mês, na sede da CNC, em Brasília.

Laura, que também é vice-presidente da Rede de Farmácias Santa Branca, fez uma apresentação sobre sua trajetória no mercado farmacêutico, destacando seu crescimento na gestão de negócios e apresentando pontos que entende serem fundamentais para o sucesso das mulheres empreendedoras. Ela citou um estudo do IBGE, de 2021, sobre estatísticas de gênero, que trouxe indicadores sociais das mulheres no Brasil.

As mulheres passam 21h por semana com afazeres domésticos e cuidados com as pessoas da casa, enquanto homens gastam cerca de 11 horas. Elas também são 4,3% mais instruídas em relação aos homens, mas isso não impede a evidente desigualdade salarial. 

“A sociedade está cada vez mais dinâmica e a gente precisa se atualizar. Sucesso é uma jornada coletiva. E hoje essa câmara tem uma representante de cada estado brasileiro, de cada uma das federações estaduais e nacionais e assim vamos poder compartilhar experiências, dividir desafios e interagir para ajudar outras mulheres a começar seus negócios, estruturar ou dar continuidade para fortalecer seus empreendimentos”, reforçou.

A coordenadora motivou as integrantes da CBMEC a ampliar seus horizontes de conhecimento, com um olhar para ESG, compliance e outras frentes de inovação. “Somos grandes e vitoriosas, e precisamos buscar que esse caminho seja mais leve e de sucesso, pois acredito que cada uma passou muitas dificuldades de empreender, de liderar, para chegar até aqui. Um eletrocardiograma sobe e desce. Se ele estiver reto é porque a gente morreu. Assim é a vida, com altos e baixos, sempre em movimento”, completou.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Redes sociais

Copyright (c) 2024 - CBTV Play - A TV NA PALMA DA MÃO!